quinta-feira, 10 de maio de 2012

Fernando Gabeira reconhece: a luta armada contra a Ditadura Militar visava a implantação da ditadura do proletariado

São Paulo, quarta-feira, 25 de abril de 2012

Autor: Edson Carlos de Oliveira   |   10:56 

Fernando Gabeira, ex-militante do Movimento Revolucionário Oito de Outubro e participante do sequestro do embaixador norte-americano Charles Elbrick, em entrevista para a Folha de São Paulo, afirmou o que muitos já conhecem, mas que hoje se procura camuflar. A luta armada contra a ditadura militar não visava a implantação de um regime democrático, mas, sim, de uma outra ditadura: a comunista.
(Foto acima: atentado terrorista perpetrado pela Ação Popular em Recife, no Aeroporto de Guararapes, em 25 de julho de 1966. A Ação Popular foi formada por elementos da esquerda católica que até então participavam do movimento religioso Ação Católica.)

"Todos os principais ex-guerrilheiros que se lançam na luta política costumam dizer que estavam lutando pela democracia. Eu não tenho condições de dizer isso. Eu estava lutando contra uma ditadura militar, mas se você examinar o programa político que nos movia naquele momento era voltado para uma ditadura do proletariado", disse Gabeira. (VÍDEO AQUI)

Nenhum comentário: