quinta-feira, 3 de maio de 2012

Cruz para todos - Campanha Nacional

Nosso irmão católico Luciano Mendes propõe uma campanha simples, para resistir ao ateísmo proposto pelos governantes e ativistas de várias espécies: 


"Que façamos esta campanha das cruzes chegar a todos os cantos e que possamos nós testemunhar publicamente que somos cristãos e que nosso sinal é o sinal da cruz."


Apoiamos essa iniciativa e pedimos a todos que a pratiquem. 
Vamos presentear com crucifixos, santos, livros católicos, vamos lembrar a todos que o Brasil é um país CRISTÃO.
A CRUZ DE CRISTO PARA TODOS. Veja a proposta do Luciano.  


Caríssimos,

Salve Maria!

A nossa peregrinação ao Cristo Redentor e o sermão do Revmo. Padre Anderson Batista foi para mim uma grande provocação. Provocação no sentido de que existe uma inércia da nossa parte quanto à implantação do Reino de Nosso Senhor, não só nos corações em caráter intimista, mas Cristo tem de imperar na sociedade. 


No meio tradicional é bastante comum encontrar pessoas pesarosas e lamuriosas dizendo que o mundo está perdido, que a Igreja foi dragada pelo modernismo e que o que nos resta é rezar. É fato que a oração é imprescindível, porém, utilizando das palavras do apóstolo São Tiago: "Porque bem como um espírito sem corpo é morto, assim também a fé sem obras é morta" (Tg 2,26). Se realmente queremos o Reino de Cristo no mundo, precisamos ter atitudes de soldados em ordem de batalha, agindo como uma milícia, e que sejamos a milícia da Santa Cruz.

Quando os portugueses chegaram ao nosso país o batizaram por Terra de Santa Cruz. E aqui logo na chegada desses desbravadores foi celebrado o Santo Sacrifício da Missa.


O Brasil quer queiram os laicistas e esquerdistas, quer não queiram, pertence a Nosso Senhor Jesus Cristo e está ligado a Cristo pelo Santo Sacrifício da Missa e pela própria Cruz que é sinal da nossa salvação e sinal do preço com que Cristo comprou estas nossas terras e o mundo inteiro.


Hoje, existe um movimento em nome do "Estado Laico" para que se retire das repartições, prédios e monumentos públicos a Cruz de Nosso Senhor. O que além de ultrajante é a negação da identidade desta que é a Terra de Santa Cruz.


E como eu disse acima, é impossível ver tudo acontecendo e ficarmos parados sem agir ou fazer nada.
Com isso tenho uma proposta a fazer aos amigos e peço que espalhem isso a todos aos blogs e pessoas influentes que conhecerem.


Tive uma idéia bastante simples, já que estão querendo retirar as cruzes dos prédios públicos, vamos criar uma onda ao contrário. Vamos presentear a todos que conhecemos e que tenham estabelecimentos comerciais, prestação de serviços, escritórios e até as residências com um crucifixo de parede. A idéia é bastante simples, por exemplo, eu almoço num restaurante durante a semana e descobri que os proprietários são católicos, e já conversei com eles e vou presenteá-los como uma cruz para colocarem na parede do restaurante.

Se cada católico fizer isso, dando de presente a donos de restaurantes, hotéis, oficinas, bancas de jornal, consultórios médicos, etc. imaginem a grande onda que poderia surgir desse movimento. Creio que essa seja uma maneira simples de responder a onda laicista, pois na propriedade particular nenhum governo manda.


Aqui fica a idéia e peço mesmo de coração que consideremos isso.  Aliás, a Cruz é a nossa bandeira é o nosso estandarte e dela não temos medo.
Que façamos esta campanha das cruzes chegar a todos os cantos e que possamos nós testemunhar publicamente que somos cristãos e que nosso sinal é o sinal da cruz.

E tenhamos muito certo em nossas mentes aquele episódio do triunfo de Constantino sobre Maxêmio aquelas palavras que se repetem até os dias de hoje: "Por este sinal vencereis".

In Corde Jesu et MariaeSemper!
Luciano Mendes

Nenhum comentário: