sábado, 24 de dezembro de 2011

Natal: Jesus chegou para salvar a humanidade!

Caríssimos irmãos, irmãs, diocesanos e internautas, 


O Natal de Jesus é tempo de alegria, reflexão e agradecimento. Jesus Cristo, 100% Deus,  foi enviado pelo Pai ao nosso meio, para encarnar 100% homem e passar por toda a experiência humana, desde a gestação.  


O anjo Gabriel foi enviado a uma jovem, chamada Maria, da cidade de Nazaré, para dar-lhe uma boa nova. Ela seria a mãe do filho de Deus. 


No sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia chamada Nazaré. Foi a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José, que era descendente de Davi. E o nome da virgem era Maria. O anjo engtrou onde lea estava, e disse: "Alegre-se, cheia de graça! O senhor está com você! (Lucas 1, 26-28).


Logo após o anúncio, Maria foi à casa de Isabel, sua prima, que também estava grávida de um menino, que seria chamado João, filho de Zacarias.  Ao chegar, Isabel percebeu que havia algo especial em Maria. Era a presença de Jesus em seu ventre. 

Naqueles dias,   Maria partiu   para a região montanhosa, dirigindo-se apressadamente a uma cidade de  Judá.  Entrou na casa  de  Zacarias e saudou Isabel.  Quando  Isabel   ouviu  a saudação de Maria,  a criança (no ventre de Isabel) se agitou  no seu  ventre e  Isabel ficou repleta  do   Espírito Santo.  Com  um grande  grito exclamou: "Bendita és   tu entre as mulheres e bendito é  o  fruto do  teu  ventre!  Como posso merecer que a  mãe do meu Senhor venha me visitar?  Logo que a sua saudação chegou aos meus ouvidos,  a criança saltou de alegria  no meu ventre. Bem-aventurada aquela que acreditou, porque vai acontecer o que 
o Senhor lhe prometeu." 
( Lucas 1, 39 - 45)


Jesus Cristo foi gestado como todas as crianças e permaneceu no ventre de Maria até o dia de seu nascimento. Ele marcou sua presença desde quando estava no ventre de Maria, conforme o relato da visita a Isabel. Com a chegada de Jesus, no ventre de Maria,   o menino  (João Batista) que estava no ventre de Isabel estremeceu e ela ficou repleta do Espírito Santo. Ainda quando estava no ventre de Maria, Jesus já era sinal de vida por onde sua mãe passava:

Então Maria Disse: "Minha alma proclama a grandeza do Senhor, meu espírito se alegra em Deus, meu salvador, porque olhou para a humilhação de sua serva. 
 Doravante todas as gerações me felicitarão, porque o Todo-Poderoso realizou grandes obras em meu favor: seu nome é santo e sua misericórdia chega aos que o temem, de geração em geração. Ele realiza proezas com seu braço: dispersa os soberbos de coração, derruba do trono os poderosos e eleva os humildes; aos famintos enche de bens, e despede os ricos de mãos vazias. 
Socorre Israel, seu servo, lembrando-se de sua misericórdia- conforme prometera aos nossos pais - em favor de Abraão e de sua descendência, para sempre.
( Lucas 1, 46-55).

A vinda de Jesus transformou a vida de todas as pessoas. Os três Reis Magos deixaram seus palácios e foram descobrir onde se encontrava o menino. Ao encontrá-lo, encheram-se de alegria e lhe ofereceram presentes: ouro, incenso e mirra.

Jesus encontrou muita gente que era deixada de lado pelas pessoas da cidade por terem algum tipo de doença. É o caso do cego que gritava para que Jesus o curasse (Lucas 18, 35-43). Ele não só cura, mas perdoa e ajuda as pessoas a perdoar, como no caso de Zaqueu (Lucas 19, 1-10). 
Ele veio para os que sofrem, os abandonados, os esquecidos e para todos os que Nele acreditam. Jesus Cristo trouxe a valorização da vida humana, o perdão dos pecados e a vida eterna.


Perdoar e pedir perdão quando erramos é um jeito especial de ser como Jesus, de viver semelhantemente a Jesus, para fazer brotar uma vida de alegria e de paz entre as pessoas


Jesus Cristo é o maior acontecimento na história da humanidade. Ele mudou as nossas vidas e continuará mudando a de todos que nEle acreditarem ou a Ele se dedicarem. Jesus Cristo disse: "Eu sou o caminho, a verdade e a vida." (João 14,1-14).  . 
                                              
"Jesus Cristo é o mesmo,  ontem e hoje, e será sempre o mesmo. Não se deixem levar por nenhum tipo de doutrinas estranhas". (Hebreus 13,8-9)

Os Reis Magos, Gaspar, Melchior e Baltazar levaram presentes para Jesus Cristo. Vem daí a tradição de presentear. No Natal, as pessoas, os amigos,  as famílias trocam presentes, cumprimentos e desejos de boas festas e bom ano novo. 


A família é a primeira Igreja de Jesus Cristo. O Natal é a presença de Jesus Cristo. Que o Natal seja, principalmente, a oportunidade para agradecer ao Pai o envio da Terceira Pessoa da Trindade, o Espírito Santo, para encarnar-se VERDADEIRO HOMEM, assim unindo a nossa humanidade à sua divindade. 


Se estivermos realmente preocupados em estar com Ele, em conviver com o Cristo, em fazer a sua vontade, em viver a sua vida, Ele estará conosco, viverá em nós.  


Desejamos a você, irmão, irmã, diocesano, internauta,  um Santo Natal e um Ano Novo repleto de bênçãos, com Jesus Cristo sempre presente no seu dia-a-dia. 


As minhas bênçãos
Dom Luiz Bergonzini 
Bispo Emérito de Guarulhos

Nenhum comentário: