quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Bento XVI dá impulso decisivo à nova evangelização

Congresso no Vaticano nos dias 15 e 16 de outubro
CIDADE DO VATICANO, terça-feira, 11 de outubro de 2011 


O Papa Bento XVI dará um impulso decisivo à nova evangelização: no próximo sábado, 15 de outubro, ele receberá, na Sala Paulo VI do Vaticano, os participantes do congresso para a nova evangelização, organizado pelo dicastério ad hoc.


No dia seguinte, 16 de outubro, o Papa presidirá a Missa para os “novos evangelizadores” na Basílica Vaticana, às 9h30. É possível que fale disso no Ângelus dominical.


Este congresso tem como tema “Novos evangelizadores para a nova evangelização” e como lema, as palavras dos Atos dos Apóstolos: “A Palavra de Deus crescia e se multiplicava”.
Organizado pelo Conselho Pontifício para a Promoção da Nova Evangelização, presidido por Dom Rino Fisichella, o encontro se realizará na nova sala do sínodo do Vaticano.
O congresso começará com uma exposição de Dom Fisichella, seguida de um momento de partilha entre agentes desta evangelização. À tarde, Dom Fisichella introduzirá as diversas intervenções:
 “Espiritualidade e vida interior” (pela Madre Verónica Berzosa, espanhola, fundadora e superiora do novo instituto religioso Iesu Communio), 
“Ocidente e suas perguntas sobre Cristo” (por Vittorio Messori, escritor e jornalista italiano), 
“Ciência e fé: um diálogo fecundo” (a cargo de Marco Bersanelli, italiano, professor de astronomia e astrofísica na Universidade de Milão) e 
“Experiências de nova evangelização na América Latina” (por Dom Fabio Suescún Mutis, bispo castrense da Colômbia).


O tenor italiano Andrea Bocelli oferecerá depois um recital e este “momento de espiritualidade e arte” precederá a chegada de Bento XVI à Sala Paulo VI.


Durante este congresso, o fundador da agência H2ONews e de ZENIT, Jesús Colina, apresentará o seu novo projeto, Aleteia, elaborado nos últimos meses junto à sua esposa, Gisèle Plantec, Olivier Bonassies (do Centro Maria de Nazaré), Guillaume Anselin e uma equipe de colaboradores.


Ao anoitecer, os grupos e realidades eclesiais serão acolhidos na diocese, em diferentes lugares de culto e de outro tipo, onde animarão momentos de reflexão e de oração com os católicos de Roma.
Fonte: (ZENIT.org)

Nenhum comentário: