terça-feira, 4 de outubro de 2011

Bebida alcoólica - Pastoral da Sobriedade




Sobriedade: Congresso empolga pela participação

30 de agosto de 2011

Jaraguá do Sul – Foram três dias de atividades intensas, de palestras, testemunhos, louvação, troca de experiências e oração.

O 2º Congresso Sul-Brasileiro da Pastoral da Sobriedade realizado de sexta-feira a domingo no Centro Cultural da Scar reuniu 330 congressistas de 24 Estados e de 49 diferentes comunidades, cumprindo uma programação intensa aberta pelo fundador da Pastoral, o Bispo de Lins, São Paulo, Dom Irineu Danelon, que permaneceu até o encerramento, na tarde de domingo, com a missa concelebrada por nove sacerdotes e dois Bispos: Dom Irineu, da Diocese de Lins e Dom Irineu Scherer, da Diocese de Joinville.

Os esforços da equipe liderada por Valério e Arlete da Costa e por Ingo e Dirce Robl foram recompensados. Foi um congresso fabuloso, pela qualidade dos palestrantes e pelos temas abordados. A avaliação foi positiva, superando o congresso nacional, diziam alguns.

Na tarde de sábado, a presença do Padre Reginaldo Manzotti levou um grande público ao Teatro da Scar. Ele palestrou e também cantou.

Uma das palestras emocionantes foi da coordenadora nacional da Pastoral da Sobriedade, a mineira Ana Godoy Pimenta, que contou o drama familiar com os filhos gêmeos adotivos, que conseguiu tirar das drogas e um deles, formado médico veterinário, um mês depois da colação de grau faleceu.

Foi um entre vários momentos ricos do Congresso que se notabilizou pela participação, envolvimento, consagrando o trabalho voluntário da Igreja em favor da vida, daqueles que buscam a auto-ajuda para se livrar do álcool e das drogas, numa ação concreta de atividades voltadas em prevenção e recuperação, para fazer dos excluídos os preferidos.

O Congresso começou a ser planejado em outubro de 2009 quando Jaraguá do Sul foi escolhida para sediá-lo. O próximo será no Rio Grande do Sul.

Nenhum comentário: