quinta-feira, 7 de julho de 2011

Estupros e pedofilia dentro de casa

O noticiário mostra que grande parte dos estupros e dos casos de pedofilia acontecem dentro de casa.
Muitas vezes, o agressor não é denunciado, por ser ligado à família, por laços de parentesco ou amizade.
No caso noticiado abaixo, que não houve a denúncia no primeiro crime, o homem praticou mais um: 
estuprou a filha e depois estuprou a neta.

Avô é preso por estuprar neta; ele engravidou a filha.
Um homem de 48 anos foi preso no último dia 30 em Selvíria, município que fica a 404 quilômetros de Campo Grande, na divisa com o estado de São Paulo, por estupro. Ele estava foragido havia 10 dias e a prisão só foi divulgada nesta terça-feira.
De acordo com a Polícia Civil, o homem já tinha sido preso em novembro do ano passado em Ilha Solteira, São Paulo, por ter abusado sexualmente da neta de dois anos. Crime este presenciado por um neto dele, de cinco anos.
Enquanto estava preso, a Polícia foi informada de que ele também já havia estuprado uma de suas filhas quando esta era adolescente. A Polícia então passou a investigar o caso.
Após seis meses preso, ele conseguiu liberdade condicional, mas no mês seguinte houve a comprovação, através de exame de DNA, que ele na verdade é pai do menino de cinco anos que chamava de neto.
Com a comprovação do estupro contra a própria filha, ele teve novamente a prisão preventiva decretada e foi preso na casa de parentes em Selvíria.

Fonte: Anastácio Notícias

Nenhum comentário: