segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Notícia da Folha de São Paulo - projeto de lei contra o aborto

"Bispo que pregou boicote a Dilma recolhe assinaturas para projeto contra aborto
Líder da pregação pelo boicote a Dilma Rousseff na campanha presidencial, o bispo de Guarulhos, dom Luiz Gonzaga Bergonzini, encampa nova mobilização que repercutirá na esfera política, informa o "Painel" da Folha, editado interinamente por Ranier Bragon (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL)."

A notícia afirma que a CNBB Regional Sul-1 estaria apoiando a iniciativa.

Cumpre-me esclarecer:

A iniciativa é de Dom Carmo João Rhoden, Bispo Diocesano de Taubaté. Ele iniciou o movimento por legislação estadual contra o aborto, no dia 27 de novembro de 2010, data que o Papa Bento XVI designou para o mundo todo rezar pela vida nascente.

Não tenho conhecimento sobre qualquer posicionamento da CNBB Regional Sul-1. Tenho conhecimento que algumas dioceses já aderiram ao movimento.

Toda a Igreja Católica, como vem se manifestando com frequência o Papa Bento XVI, é contra o aborto, em todo o mundo, não só no Brasil.

A adesão da Diocese de Guarulhos é natural, pois há muito tempo vem trabalhando contra o aborto, em defesa da vida.

Como disse outras vezes, estarei sempre defendendo a vida.
Guarulhos, 17 de janeiro de 2011.
Dom Luiz Gonzaga Bergonzini
Bispo Diocesano de Guarulhos

Nenhum comentário: